Parque Estadual de Mirador

Ações sociais sem assistencia ambiental

Data: 04/01/2018 13:16:55
Parque Estadual de Mirador

© Foto: JM / Cultura nativa nas margens do Rio Alpercatas

 

AÇÕES DE SEMA NO PARQUE ESTADUAL DE MIRADOR

A secretaria de estado de meio ambiente voltou a realizar ações sociais no Parque estadual de Mirador, conhecido também por Travessia. O evento que aconteceu no mês passado, a SEMA e o BPA distribuíram cestas básicas e vestuários as 205bfamilias residentes na área.

A SEMA vem atuando no parque com ações sociais e esquece as ações ambientais que são mais importante para a preservação do PEM que sofre com as queimadas, a caça predatória, extração de madeira, criação extensiva de gado e até mesmo a regularização de propriedades ilegais existentes a longo do anos.

A Secretaria divulgou em dezembro o Edital de Chamamento Público Nº 003/2017 que institui o projeto “Berço do Rio Itapecuru”, no âmbito do Programa “Maranhão Verde”, a ser desenvolvido no Parque Estadual do Mirador.

 O Projeto tem como objetivo incentivar e promover a recuperação e conservação dos ecossistemas, promover a cidadania, a melhoria das condições de vida e a elevação da renda da população em situação de extrema pobreza que exerça atividades de conservação e recuperação dos recursos naturais e incentivar a participação de seus beneficiários em ações de capacitação ambiental, social, educacional, técnica e profissional.

 O Edital pode ser consultado no link MARANHAO_VERDE e no Diário Oficial do Estado, e visa firmar parceria com uma Organização da Sociedade Civil de Interesse Público (OSCIP) para o desenvolvimento e execução das atividades do Projeto.

AGERP MIRADOR

UNIDADE LOCAL DE MIRADOR

Entrou no último ano do governo Flavio Dino e a Agencia Estadual de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural do Maranhão – AGERP- MA não colocou os técnicos no lugar dos que foram injustamente demitidos a pedido do então vice-prefeito de Mirador, hoje prefeito. Nesses três anos a Unidade Local de Mirador ficou sendo assistida por uma técnica de Sucupira do Norte somente nas manhãs de quinta-feira, apenas para projetos do Pronaf e emissão de DAP, sem assistência técnica. Apenas os serviços administrativos são feitos por um funcionário remanescente da EMATER, órgão extinto em 1.997, na primeira gestão da ex-governadora Roseana sarney.

As ações do órgão destinados a Mirador, como, distribuição de sementes, um veículo para os serviços de assistência técnica e outras ações da secretaria de estado da agricultura familiar, como, perfuração de poços, construção de açudes e distribuição de kit de irrigação ficaram diretamente com a prefeitura, perdendo a importância do órgão no município.

135 visualizações | Fonte: Jornal de Mirador | Post: Adail Brito

Sobre Meio ambiente

Maranhão Verde no Parque de Mirador 30/10/2017 19:19:42 190 Acessar
Colinas ganha Centro de Referencia em Saneamento Ambiental 30/10/2017 17:46:57 138 Acessar
Programa Maranhão Verde 25/10/2017 20:40:55 142 Acessar
Bacia Hidrográfica do Rio Itapecuru 17/10/2017 08:57:53 276 Acessar
Maranhão Verde em Mirador 13/10/2017 11:29:03 313 Acessar
Curso Formação de Brigadas em Mirador 12/10/2017 05:18:09 184 Acessar
Deputado Rigo Teles em Brasília 29/09/2017 15:53:37 145 Acessar
Setembro negro em Mirador 19/09/2017 19:50:25 246 Acessar
Queimadas em Mirador e região 29/08/2017 20:12:43 218 Acessar
Morro do pico em Mirador Maranhão 26/07/2017 06:43:39 448 Acessar
Comente